O planeta humano

Ao ver-se a terra da lua
Expressamente nua
Como bolhas de sabão,
Vagando pelo espaço
Como um mínimo pedaço
De um feliz coração

Ao ver-se a terra da lua
Numa beleza flutua
Num ambiente de amor,
Na mais perfeita harmonia,
Como se fosse uma cria
De uma pequena flor.

Ao ver a terra da terra
Num ambiente de guerra
E uma vida sombria,
Quebrou a pétala da flor
Quebrou-se o ninho de amor
Quebrou-se a paz e harmonia.

Ao ver-se a guerra da terra
Das mortes vindas da guerra
Das brigas pelo poder
Dos líderes indolentes
Do sacrifício dos inocentes
A paz pôs-se a perder.

Feliz era quem adormecia
E a sua poesia fazia
Com a lua cheia a brilhar,
Sentado à beira da praia,
De emoção que desmaia
Ao ver da lua o luar.

Prof. Wilson Quadros

Anúncios

10 pensamentos sobre “O planeta humano

  1. parabéns pelo poema, saiba que você recebeu um dom de DEUS e que ele te der sabedoria para que você posa usar pra usar para o bem.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s